Topo-Pag-Vidas Preservadas

O projeto Vidas Preservadas tem quatro etapas, divididas por ano, iniciando em 2018 e concluindo em 2021. Cada etapa conta com quatro eixos de trabalho: 1) Capacitações; 2) Seminários; 3) Campanhas; 4) Reconhecimento. Os eixos estão relacionados com a estrutura para o desenvolvimento de estratégias de prevenção ao suicídio propostos pela OMS (2012) e de acordo com os preceitos da OPAS/OMS/UNICEF, referentes aos “Objetivos para um Desenvolvimento Sustentável”, que estabeleceu estratégias para os cuidados em saúde de forma a garantir vidas saudáveis e promover o bem-estar para todos em todas as idades. Eles visam:

  • Identificar interessados de diversos setores;
  • Conseguir comprometimento político;
  • Realizar análise da situação;
  • Aumentar conscientização;
  • Avaliar recursos;
  • Declarar objetivos claros;
  • Identificar fatores de risco e de proteção;
  • Selecionar intervenções efetivas em níveis diferentes;
  • Aperfeiçoar registro de casos e realizar pesquisa;
  • Realizar monitoramento e avaliação.